Pompoarismo – A Técnica Para o Prazer e Saúde da Mulher

A técnica do Pompoarismo proporciona inúmeros benefícios para a Saúde da Mulher

A técnica do Pompoarismo proporciona inúmeros benefícios para a Saúde da Mulher

Aqui você conhecerá a importância desta técnica para o seu bem estar porque ela mudará a sua vida . Fazer sexo todos sabem ou pensam que sabem. Existem diferentes formas, posições, técnicas para se ter uma boa relação com o parceiro, mas deve-se preocupar, individualmente ou em conjunto (como deveria ser). para que esta relação seja sempre a melhor possível.  Acesso ao vídeo no final do artigo.

O que é Pompoarismo?

Imagina-se que a técnica do Pompoarismo nasceu na Índia há 3.000 anos. Foi amplamente praticada e aperfeiçoada no Japão e na Tailândia. Dizem que aqueles que a praticam levam grande vantagem sobre os outros no desempenho sexual porque a mulher tem um controle sobre a sua musculatura vaginal que, além de não se tornar flácida, tem a capacidade de gerar movimentos e contrações que farão com que o homem tenha muito mais prazer durante o ato sexual.

As vantagens não param por aí porque as mulheres, ao Pompoar, exercitam todos os músculos internos da vagina, o que proporciona, por exemplo, uma possibilidade de evitar problemas como a incontingência urinária, livrar-se das terríveis cólicas menstruais. Além disso. o Pompoarismo contribui na recuperação pós-parto, combate o ressecamento vaginal, aumenta a libido e facilita os orgasmos.

Como Praticar o Pompoarismo?

Veja um roteiro básico, para ser feito duas a três vezes por semana: (fonte: Laura Müller)

Contração Vaginal:

Sentada numa cadeira, contraia os músculos da vagina como se apertasse algo dentro dela. Conte até três e relaxe. Repita dez vezes. Depois, contraia e relaxe rapidamente, como se quisesse imitar o ritmo de uma respiração ofegante. Conte até dez novamente. Total: 20 repetições.

Contração Anal:

Deitada, flexione as pernas e eleve o quadril. Fique apoiada apenas sobre os ombros e os pés. Contraia o bumbum, conte até três e solte. Faça dez vezes. Deite na cama e relaxe o corpo por alguns instantes. Depois, volte à posição anterior e contraia o ânus em três tempos, sem relaxar entre um e outro: de leve, mais forte e com toda a intensidade. Faça dez vezes. Relaxe e repita o exercício, só que dessa vez você irá contrair não só o ânus, mas também a vagina como se quisesse sugar alguma coisa com ela. Mais dez vezes. Total: 30 repetições.

Sucção Vaginal:

Recostada na cama, separe as pernas e deixe-as semiflexionadas. Insira um dos dedos na vagina e aperte-o o máximo que puder. Caso não consiga apertar o dedo, insira dois. Faça dez vezes. Depois, tente sugar o dedo com a vagina. Ajude com a respiração: na hora do movimento de sucção do dedo, inspire e prenda o ar. Conte até três. Repita dez vezes. Total: 20 repetições.

Contração do Glúteo:

De pé, com os pés paralelos e distantes 20 centímetros um do outro, contraia o bumbum. Tente unir as nádegas o máximo que puder. Conte até três e relaxe. Faça dez vezes. Repita o exercício contraindo e soltando rapidamente, como se acompanhasse uma respiração ofegante. Conte dez vezes. Total: 20 repetições.

Movimentação do Períneo:

De pé, com as pernas semiflexionadas e as mãos na cintura, mova a pélvis para cima e para frente, contraindo o canal da vagina. Conte até três e solte. Faça dez vezes. Depois, faça um movimento circular, como se usasse um bambolê. São quatro movimentos: primeiro, a pélvis vai para cima e para frente; depois o quadril vai para a esquerda; em seguida o bumbum deve ser impinado para trás; por último, o quadril vai para a esquerda. Fala dez giros completos. Total: 20 repetições.

Exercícios com alguns brinquedinhos

São exercícios de fortalecimento da musculatura pélvica para cuidar da saúde sexual, prevenindo flacidez pós-parto e incontinência urinária, além de aumentar a percepção da região pélvica e, em consequência, o prazer sexual.

Para a prática, serão necessários:
1. vibrador de tamanho médio (2,5 a 3 cm de diâmetro e 14 cm de comprimento)
2. bolinhas ben-wa, à venda em sex shops
3. lubrificante à base de água, vendido em farmácias

Importante: lave sempre os objetos, antes e depois do uso. E não os compartilhe com ninguém, para evitar a transmissão de doenças.

Com o vibrador:

  • Lubrifique o vibrador. Introduza de 3 a 5 cm na vagina e aperte o vibrador. Solte. Repita dez vezes.
  • Introduza mais um pouco: de 8 a 10 cm no total. Aperte-o com uma parte mais interna da vagina. Solte. Repita dez vezes.
  • Última etapa: aperte-o com o canal todo. Faça dez vezes.
  • Outro exercício: Coloque a ponta do vibrador na entrada da vagina. Tente sugá-lo. É difícil conseguir nas primeiras vezes. Não desista. Só o movimento de sucção já faz efeito, mesmo que você não consiga sugar o vibrador. Repita 5 vezes.

Com as bolinhas Ben-Wa:

  •  Lubrifique as bolinhas. Insira uma bolinha na vagina. Tente sugar a outra. Não é fácil. Mas não desista. A tentativa de sucção já é um exercício que dá resultado. Repita 5 vezes.
  • Faça o mesmo exercício de sucção: insira uma bolinha e tente sugar a outra. Porém, ajude a inserir a segunda bolinha com o dedo. A parte maior do cordão deve ficar para fora. Em seguida, tente expeli-las. Nas primeiras tentativas, ajude puxando-as pelo cordão. Faça 5 vezes

Estes são os brinquedos básicos. Existem outros instrumentos, como os cones de peso, que serão utilizados em estado mais avançado. É fundamental que a técnica seja explicada e acompanhada por uma profissional no assunto para que você obtenha os melhores resultados, tanto no desempenho sexual, quanto na melhoria da sua saúde.

Conheça uma das maiores especialistas no assunto e criadora do Método Pompoarismo com PNL, que tem ajudado milhares de mulheres, clicando aqui.

Quero assistir o vídeo

Participe do Blog - Compartilhe...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someone

Deixe Um Comentário

Sobre Roberto Wagner

Apaixonado por Tecnologia, Marketing e o Maravilhoso Mundo da Internet. Especialista em SEO, Criação de Sites e Blogs e tudo que diz respeito ao Marketing Digital.

Comente este artigo

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados são obrigatórios *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>